Dança Só

Para todos esses que dançam sós, que mexem o corpo em unidade, e em uníssono com o só. Mexe, remexe a agita, toda a fibra de teu corpo sobre o oceano e corrente de música, seja qual for essa musica, dança em solidão…
Sozinho é uma dança especial, é dança sem ninguém calcar, e alcança um estado de serenidade em agitação, saber como se mexer para te levares e conduzires teu corpo e todos os outros. Criar a música do teu coração com o som de tua menta.
Independente e feliz, em mente, felizmente alegre, empregue na melodia, quem diria que alguém que dança sem ninguém, nem cor e grafia faz em sua solidão e paz, viria hoje dizer que dança só, que faz esta dança, em pausa e maça no só, perdida em pó. Uma nota, e uma só, um Dó, quem tem dó desta estropia, neste dia, que eu, Danço Só, em silêncio!

Ernesto Fulco Guerrero
Advertisements

About this entry