(Texto de proveniencia incerta: vá eu é que não quero dizer quem o escreveu!)
gros'Maui, o alien de 12 dedos sempre teve um gosto pelo número 144...
Bem ele refere-se ao número como gros, onde o 's' é silencioso!
Se calhar o seu gosto pelo número está ligado ao seu nome se assemelhar com o número...
De certo se perguntam porquê este número, deixem me responder antes de falar um pouco do gros'Maui.
Este recatado ser do cosmos conta em bases de 12, ele diz que facilita imenso todo o que ele faz. 
Não é que ele tenha mesmo 12 dedos nas duas mãos, tal como nós ele só tem 5 em cada 
mas as primeiras pessoas que falaram com ele julgaram que ele tinha 6 dedos.
Assim que perceberam que ele contava em razões de 12 ou 6 e assumiram que ele tinha esse número de dedos...
Pobre Maui, tido como um sexto-dedista?! 
Claro que ele a esta altura acha os humanos um pouco parvinhos, e quem o havia de culpar?
"Voces ainda usam bases de 10 para contar, que tristeza!" diz-me ele
Mas o Maui, como eu lhe gosto de chamar é um muito curioso e mesmo assim continua a olhar para a Terra com olhos de ver.
Ficam a saber que muita cosias que aqui escrevo já lhe contei a ele
Ele tende a gostar de uma forma geral mas nem sempre me presta muita atenção...
Passa mais tempo a olhar para o seu Humanário! vá pelo menos é isto que ele chamada à nossa Terra.
"Vejo os humaninhos a remexer e procriarem e cometerem erros, a fazer bela arte por vezes, mas a ignorá-la tambem..."
"Tristes pequeninhos, ali presos no seu planeta sem poderem sair..."

Eu preguntei lhe uma vez se podia colocar alguns dados sobre ele por aqui.
Ele de imediato disse que apenas poderia fazer isso no número 144 (Que cá está!)
E vos deixo com o que ele me disse: (ficou acordado eu dizer uma palavra e ele respoder!)
(peço desculpa não foi possível mais)



Nome: Dois-gros-cinco-doh-dek gros'Maui
Idade: Muitos gros!
Sexo: Privacidade seus Humanos!!
Frase: gros": o ‘s' é mudo
Família: Deixem-na fora disto!
Terra: Azul
Humanos: Oi nem vou comentar
Gros: A tentar sacar informações é?



Ele me pediu para deixar aqui isto para o final:
"Humaninhos, a subsistirem na sua adição ao carbono, vosso vício!
Deixem se dele e assim ambos os vossos olhos verão mais e talvez...
mas só talvez consigam usar o terceiro olho!"

Não se viciem em carbono! Há mais pela nossa Terra que isso e mesmo no cosmos!
Deixam a imaginação ser um livre ser!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


About

This is an excess of  imagination and a lake of reason and motivation to really make of that something of relative importance. So to try and act against  that we create this “chauvinism”, the strong idea that life is not only what we think is similar to yours. We dispose of the idea of similar and equal to our Carbon make up. Do not think you know how life works and is, simply because you lived and experienced? You only lived and experienced one type of it!! And that experience was in abundance alter and conducted in your-own person defects and previews of others. Your view is only one and in a whole world weights noting more than a feather compared to a planet. Live to know fallitur visio.